Entrevista para Jornal VS sobre cheias no sinos

Existe diferença entre enxurrada e cheia?

A enxurrada é uma onda de água rápida e violenta que percorre o leito de um curso d’água provocada por uma grande chuva num tempo muito curto.

O Cheia é a extravasão do leito do rio para fora da sua calha como consequência de um chuva intensa e prolongada.

Como se comporta o rio durante enxurradas e o que precisa acontecer para que o rio transborde na região?

Nas enxurradas ele sob rápido porque na parte alta ele corre numa região com muita diferença diferença de nível no terreno. A enxurrada é fruto da sua condição natural pois é um rio de regime torrencial nestas áreas.

Já na parte baixa ele é um rio de planície que não deveria manifestar enxurradas com freqüência. Mas devido as alterações nas zonas urbanas ele apresenta enxurradas , em particular nos arroios menores, decorrentes da grande impermeabilização do solo urbano. Estas enxurradas são fruto de uma condição alterada da bacia nas partes mais baixas.

– O que tem sido feito para evitar novas cheias no rio e o que pode ou deve ainda ser feito para amenizar este problema?

A principal intervenção contra cheias foram os diques. Mas esta solução não pode ser mais usada segundo o DNOS porque novos diques comprometeriam a eficiências dos diques já implantados.

A melhor solução passa pelo planejamento do uso do solo e pela limitação a ocupação de áreas de risco por populações mantendo-as na condição natural de banhados. Além de não ferir gente e causar danos esta solução contribui muito para segurar água na região para os períodos de escassez e ajuda na preservação da vida selvagem e na vida aquática. Nalguns casos se deve pensar mesmo na relocação de populações como se está fazendo em Esteio junto ao arroio Sapucaia e como já se fez no arroio Pampa em Novo Hamburgo.

– Quem é o principal vilão das cheias do Sinos?

A ocupação de banhados pela urbanização das nossas cidades e a falta de planejamento na ocupação do solo urbano em áreas de risco de cheias.

Jornalista: Renata Strapazzon

Arno Kayser
Agrônomo, Ecologista e Escritor

Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: